Quarta, 12 de maio de 2021
82 99669-5352
Cidades

27/04/2021 às 13h27 - atualizada em 27/04/2021 às 13h49

Derek Gustavo

Maceió / AL

Alagoas segue na fase vermelha, mas flexibiliza funcionamento do comércio e uso de praias
Agora, lojas podem funcionar todos os dias e praias e calçadões seguem abertos aos finais de semana. A restrição de circulação, contudo, continua.
Alagoas segue na fase vermelha, mas flexibiliza funcionamento do comércio e uso de praias
Medidas foram anunciadas pelo governador Renan Filho nesta terça (27). FOTO: reprodução

Alagoas segue na fase vermelha do distanciamento social controlado, mas trazendo algumas medidas mais flexíveis, principalmente com relação ao setor produtivo. O anúncio foi feito no início da tarde desta terça-feira (27), e o novo decreto deve ser publicado até o fim do dia.

Esse é o 4º decreto de fase vermelha e o 3º com flexibilizações, se comparado à mesma fase aplicada no ano passado no estado. As novas medidas são as seguintes:

- Comércio: pode funcionar todos os dias, até as 17h;
- Shoppings: podem funcionar todos os dias, até as 20h;
- Bares e restaurantes: podem funcionar com atendimento presencial aos finais de semana, até as 16h. Depois disso, apenas com pegue e leve e delivery. Esses estabelecimentos também poderão contar com apresentação de música ao vivo;
- Calçadões, praias, lagoas, rios e marinas: podem ser utilizadas aos finais de semana;
- Academias: podem funcionar também aos sábados, mas mantendo o limite de 30% de ocupação;
- Espaços esportivos: podem funcionar com até 25 pessoas (somando as duas equipes), sem torcida;
- Restrição de circulação segue mantida das 9h da noite às 5h da manhã;
- Visitas e entrega de feira nos presídios serão permitidas neste novo decreto;
- Templos religiosos seguem com apenas 30% de capacidade.

Essa flexibilização, de acordo com o governo, se justifica porque houve uma estabilização nos índices de óbitos e queda nos índices de casos ativos, casos novos e da taxa de transmissão da doença e de ocupação dos leitos exclusivos nas últimas semanas.

As medidas surgem após reuniões contantes com representantes de todos os setores produtivos do estado.

VACINAÇÃO

O governador destacou que a taxa de óbitos de pessoas com 80 anos ou mais caiu drasticamente nas últimas semanas, saindo de 30% em agosto do ano passado para 12% neste mês, e relacionou isso com a vacinação desse grupo etário.

"As pessoas acima dos 60 anos precisam se vacinar, para reduzirmos as chances de morte", disse Renan Filho.

Renan também falou sobre os problemas de distribuição das vacinas aos municípios. "As doses só podem ser distribuídas se chegarem do Ministério da Saúde. Ontem, o ministro da saúde disse que o cronograma de vacinação, que estava previsto para maio, foi postergado para setembro. Isso é muito ruim. As pessoas querem tomar vacina".

O chefe do Executivo Estadual também criticou a proibição da Anvisa para a importação da vacina russa Sputnik V. Alagoas e outros estados já haviam programado a compra dessas vacinas para imunizar a população.


O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2021 :: Todos os direitos reservados