Terça, 22 de junho de 2021
82 99669-5352
Entretenimento

09/05/2021 às 00h10

Acta

MACEIO / AL

Regina Duarte se retrata por publicar fake news
A retratação veio após uma decisão da Justiça
Regina Duarte se retrata por publicar fake news

Regina Duarte se retratou e pediu desculpas por compartilhar uma fake news a respeito do patrimônio de Marisa Letícia, ex-primeira-dama e mulher de Lula, morta em 2017. . A retratação veio após uma decisão da Justiça, cuja sentença também foi publicada pela atriz e ex-secretária especial de Cultura em sua página.


"Nunca foi minha intenção divulgar uma inverdade ou propagar fake news. Infelizmente, neste caso, fui induzida a erro e quero por isso estender, pelo sucedido, um sincero pedido de desculpas à memória de D. Marisa Letícia e a sua familia", consta de um trecho da postagem da atriz.


Em abril do ano passado, quando ocupava o cargo de secretária nacional de Cultura do governo de Jair Bolsonaro, ela publicou afirmação de que foram encontrados R$ 256 milhões em uma conta da ex-primeira-dama. O valor correto era de R$ 26.281,74. Agora, na retratação, Regina argumenta que, "apesar de ter sido obtida de fontes oficiais públicas e amplamente divulgada por meios de comunicação", a informação veio a "revelar-se errada e posteriormente corrigida pelos órgãos judiciais relevantes".


Ela acrescenta ainda que, na época, apagou a publicação quando soube que a informação estava errada. "Quero também esclarecer que se me mantive em silêncio sobre este assunto durante o último ano, foi porque um processo judicial sobre a publicação estava decorrendo. Tive então que aguardar pela sentença que agora foi publicada e que partilharei em sua integralidade na próxima postagem. Enquanto cidadã brasileira e acérrima defensora de um Estado democrático e plural, considero a sentença do Juiz Manuel Eduardo Pedroso Barros paradigmática e exemplar no que remete à defesa da liberdade de expressão e também reveladora sobre o perigo das fake news em nossa sociedade", diz outro trecho da retratação.


Na sentença, o juiz determinou 15 dias, a partir do dia 26/04, para que a retratação fosse publicada na conta de Regina Duarte no Instagram. Em sua argumentação, o magistrado diz que Regina "propalou fake news a respeito do patrimônio da falecida Marisa Letícia", mas entendeu que ela foi "induzida a erro" pelo fato de o valor errado ter sido informado pela Justiça, e não concedeu a indenização pedida por Lula e seus filhos. O juiz, porém, considerou que havia necessidade de retratação.

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2021 :: Todos os direitos reservados