Terça, 22 de junho de 2021
82 99669-5352
Política

11/05/2021 às 16h50

Felipe Farias

Maceió / AL

Gestores de AL criticam irregularidade no ritmo de envio de vacinas
Representante dos prefeitos diz que muitos estão aflitos; governador critica postura do Ministério da Saúde: ‘pixotada’
Gestores de AL criticam irregularidade no ritmo de envio de vacinas
Presidente da AMA (Associação dos Municípios): muitas pessoas passaram tempo de receber 2ª dose e vacinas não chegaram.

O presidente da Associação dos Municípios Alagoanos (AMA), Hugo Wanderley, denunciou que muitos moradores de cidades do interior já ultrapassaram os 28 dias após receber a primeira CoronaVac e os municípios onde moram ainda não os lotes para aplicação da segunda dose.


De acordo com a entidade, a previsão de chegada é para esta quarta-feira (12); o que, na prática, deve levar a aplicação a ser feita somente a partir do fim de semana.


“Durante o último final de semana, o Estado recebeu mais 15 mil doses da CoronaVac, para que nós possamos completar a segunda dose, o ciclo vacinal das pessoas que já receberam a primeira”, disse Hugo Wanderley, presidente da entidade que congrega os municípios de Alagoas.


“Mas, infelizmente, nós ainda contamos com um déficit de 14.290 doses, para que possamos complementar o ciclo vacinal dessas pessoas. E é muito grande a preocupação e a aflição dos gestores e das pessoas dentro dos municípios. Porque muitas dessas pessoas, a grande maioria, já ultrapassou os 28 dias preestabelecidos na nota técnica, entre a primeira e a segunda dose”, acrescentou o gestor, que é titular da Prefeitura de Cacimbinhas.


A posição crítica de gestores em relação ao envio de doses, por parte do Ministério da Saúde, não se restringiu ao âmbito municipal.


Em coletiva, praticamente no momento que se dava a gravação do vídeo pelo presidente da AMA, o governador de Alagoas, Renan Filho (MDB), também se referiu ao andamento da vacinação – e criticou a entrega de doses.


“É uma vacina que tem um nível de eficácia maior que as outras”, disse, referindo-se à expectativa de chegada de doses da farmacêutica Pfizer, para a última segunda-feira (10).



“E eu espero que esta semana a gente siga avançando com a vacinação de AstraZeneca e coloque em dia, depois daquela pixotada que houve do Ministério da Saúde, autorizando os estados a usar a primeira dose como primeira e, depois, parando de mandar a dose de CoronaVac, a gente regularize o cronograma das vacinas CoronaVac esta semana”, criticou.


“Nós esperamos que o governo federal possa cumprir com o cronograma de vacina para que nós possamos o quanto antes imunizar a nossa população”, acrescentou o presidente da AMA, em outro trecho do vídeo.


“Ainda esta semana estamos aguardando uma nova nota nos comunicando a chegada de mais vacinas. Mas, até agora é muito incerta a quantidade de doses que chegará. Mas, continuamos focados e avançando para o quanto vencermos essa batalha”, concluiu.


Até o início da tarde desta terça, a previsão de chegada de mais doses era para esta quarta-feira (12).

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2021 :: Todos os direitos reservados