Terça, 22 de junho de 2021
82 99669-5352
Saúde

11/05/2021 às 20h20 - atualizada em 12/05/2021 às 12h04

Acta

MACEIO / AL

Prefeitura de Maceió começa a vacinar pessoas com deficiência a partir dos 30 anos
Ampliação acontece nesta quarta-feira (12); trabalhadores da educação também começam a ser vacinados
Prefeitura de Maceió começa a vacinar pessoas com deficiência a partir dos 30 anos
Foto: Itawi Albuquerue/Secom Maceió

A Prefeitura de Maceió ampliou a vacinação contra a covid-19. A partir desta quarta-feira (12), começam a ser vacinadas pessoas com deficiência que têm 30 anos ou mais. O anúncio foi feito pelo prefeito JHC, nas redes sociais. 


Os integrantes do grupo prioritário podem procurar, das 9h às 16h, um dos seguintes pontos de vacinação: o drive-thru do Estacionamento do Jaraguá, o drive-thru da Justiça Federal (Serraria), e os pontos fixos do Papódromo (Vergel do Lago), Shopping Maceió (Mangabeiras), Shopping Pátio (Cidade Universitária), Praça Padre Cícero (Benedito Bentes), terminal do Osman Loureiro e área externa do Ginásio Arivaldo Maia (Jacintinho).


Estão inseridas nesta etapa as pessoas com deficiência permanente física, mental, intelectual ou sensorial, incluindo portadores de doenças raras e que causam deficiências intelectuais e/ou motoras e cognitivas.


Para se vacinar é necessário apresentar documento com foto e CPF, original e cópia de Comprovante de Residência e algum documento que comprove a condição, como o laudo médico que indique a deficiência; cartões de gratuidade no transporte público; documento que indique se tratar de pessoa com deficiência; comprovante de recebimento do Benefício de Prestação Continuada (BPC); documento comprobatório de vinculação a Centros de Reabilitação e/ou Unidades Especializadas no atendimento às pessoas com deficiência.


Nos casos de deficiência física aparente ou visível que causem limitações, não será obrigatório a apresentação do documento comprobatório.


Vacinação de profissionais da educação


Também inicia nesta quarta (12) a imunização dos professores e trabalhadores da Educação Básica que têm 55 anos ou mais, ou seja, qualquer trabalhador de escolas públicas e privadas, precisam apresentar o contracheque do último mês ou a declaração de vínculo da instituição de ensino, além do documento com foto e CPF e comprovante de residência (original e cópia).

FONTE: Secom Maceió

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2021 :: Todos os direitos reservados