Sexta, 01 de julho de 2022
82 99669-5352
Saúde

23/05/2022 às 08h39 - atualizada em 23/05/2022 às 11h43

Acta

MACEIO / AL

Testes rápidos voltam a ser gratuitos nas farmácias, mas só com receita
Governo argumenta que gratuitidade dos testes de antigénio responde à
Testes rápidos voltam a ser gratuitos nas farmácias, mas só com receita
Governo argumenta que gratuitidade dos testes de antigénio responde à

Os testes rápidos de antigénio voltam a ser gratuitos nas farmácias portugueses, a partir do dia 24 de maio até ao dia 30 de junho, anunciou esta segunda-feira o Governo.


Segundo a portaria publicada esta segunda-feira em Diário da República, o Governo justifica a decisão com a incidência muito elevada no país, com tendência crescente" da pandemia da Covid-19, sendo que este crescimento poderá contribuir o aumento de circulação de variantes com maior potencial de transmissão, estimando-se que a linhagem BA.5 da variante Omicron já seja dominante em Portugal.


O executivo refere que os testes voltam a ser comparticipados a 100%, acrescentando que "para efeitos de referenciação de pessoas sintomáticas e deteção precoce de casos confirmados, importa garantir o acesso e a realização de Testes Rápidos de Antigénio de uso profissional".


Na portaria, o Governo não exclui a possibilidade de prolongar a diretiva, apontando que esta dura até ao dia 30 de junho de 2022 "sem prejuízo da sua eventual prorrogação".


Na sexta-feira, o relatório semanal da Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre a pandemia deu conta de que a média de infeções aumentou de 14.400 para 22.805 casos diários em Portugal, depois de registar 157.502 casos de Covid-19 numa semana.


No relatório da DGS e do Instituto Português de Saúde Ricardo Jorge (INSA), as duas entidades alertaram que  a pandemia em Portugal "mantém uma incidência muito elevada, com tendência crescente", e salientaram que os casos podem estar a aumentar devido à "redução da adesão a medidas não farmacológicas, o período de festividades e o considerável aumento de circulação de variantes com maior potencial de transmissão".

FONTE: Notícias ao Minuto

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2022 :: Todos os direitos reservados