Quinta, 18 de agosto de 2022
82 99669-5352
Polícia

05/08/2022 às 20h22 - atualizada em 06/08/2022 às 15h14

Derek Gustavo

Maceió / AL

VÍDEO: Motorista de app é flagrado arrancando passageira a força de carro em Maceió
Polícia indiciou o homem por injúria, calúnia, agressões e ameaça.
VÍDEO: Motorista de app é flagrado arrancando passageira a força de carro em Maceió
Câmera flagrou violência de motorista contra mulher em posto de combustíveis em Maceió. FOTO: reprodução

Câmeras de segurança flagraram um motorista de aplicativo de seu carro à força uma passageira e o filho pequeno dela em um posto de combustíveis em Cruz das Almaas, em Maceió. O caso foi registrado em fevereiro. Nesta sexta-feira (5), a polícia informou que concluiu o inquérito e indiciou o homem por injúria, calúnia, agressões e ameaça.


Nas imagens, é possível ver o carro parado ao lado de uma bomba de abastecimento. O motorista, que não teve o nome divulgado, desce e puxa a passageira pelo braço para fora do carro. A criança é retirada por ele em seguida.


A vítima é uma mulher de 30 anos. Ela relata que pediu um carro por aplicativo quando estava saindo da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Jacintinho no dia 20 de fevereiro. Ela iria para casa, em Riacho Doce.


No caminho, o motorista disse que precisava abastecer o carro com gás. Ele parou em posto e desceu do veículo.


A mulher conta ainda que ficou preocupada porque ficou com o filho dentro do carro. Ao alertar ao motorista que o abastecimento havia acabado, ela começou a ser xingada pelo homem.


A vítima disse ao motorista que iria chamar outro carro por aplicativo. Foi nesse momento que ela foi puxada do veículo.


“Ele ameaçou me quebrar no pau. Estava muito violento, tanto que ninguém quis interferir com medo dele. Uma observação que fiz é que ele não aparentava estar normal, como se tivesse feito uso de alguma substância química”, disse ela nas redes sociais.


O delegado Robervaldo Davino, do 6º Distrito Policial, foi o responsável pela investigação do caso. O inquérito já foi enviado à Justiça.

FONTE: com informações do g1 Alagoas

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2022 :: Todos os direitos reservados