domingo, 21 de abril de 2024
82 99669-5352
Polícia

16/02/2024 às 16h22 - atualizada em 16/02/2024 às 16h25

Derek Gustavo

Maceió / AL

Justiça concede liberdade provisória a mulher suspeita de sequestro relâmpago
Suspeita foi presa em Maceió. Outros dois envolvidos seguem sendo procurados.
Justiça concede liberdade provisória a mulher suspeita de sequestro relâmpago
Mulher é suspeita de ser mentora de sequestro relâmpago em Maceió. FOTO: reprodução

A mulher presa suspeita de ser mandante do sequestro relâmpago no bairro da Gruta, em Maceió, conseguiu na Justiça a liberdade provosória e será monitorada por tornozeleira eletrônica. Com isso, ela terá que obedecer a algumas medidas cautelares.


A decisão é do juiz Antônio Barros da Silva Lima. Ele diz no despacho que, em caso de descumprimento do monitoramento, a prisão preventiva será decretada novamente.


"Caso não se encontre em disponibilidade o equipamento da tornozeleira eletrônica, deve o mesmo ser posto imediatamente em liberdade, e com o advento do aparelho, contactado para que possa ser implantado, sob pena de ter sua prisão preventiva novamente decretada, em caso de descumprimento da medida de monitoramento", disse o juiz.


A polícia informou sobre a prisão da suspeita na quinta-feira (15). O nome dela não foi divulgado.


De acordo com as investigações, a suspeita trabalhava em um salão de beleza de luxo em uma área nobre de Maceió, e mora em um prédio de alto padrão na mesma região.


A vítima foi abordada pelo trio de criminosos quando saía de uma padaria. Ela foi feita refém dentro do próprio carro. Os bandidos fizeram compras utilizando o cartão de crédito dela.


A vítima conta que foi levada ao Benedito Bentes, onde os bandidos compraram duas caixas de som. Logo em seguida, o trio foi a outra loja e comprou três celulares. O estabelecimento ficou de fazer a entrega dos aparelhos.


O carro da vítima também foi levado pelos criminosos.


A polícia conta que imagens de câmeras de segurança ajudaram na identificação dos bandidos. Os dois homens envolvidos no crime seguem sendo procurados.


O carro da vítima e os celulares comprados com o cartão dela foram recuperados.

FONTE: ASSESSORIA

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2024 :: Todos os direitos reservados