Sábado, 18 de maio de 2024
82 99669-5352
Esportes

21/04/2024 às 12h07

Acta

MACEIO / AL

Fórmula 1 sofre pressão de equipes e estuda aumentar zona de pontuação
Ideia da categoria é esticar a zona de pontuação do décimo até o 12º já na próxima temporada
Fórmula 1 sofre pressão de equipes e estuda aumentar zona de pontuação
Mohammed Ben Sulayem é o presidente da FIA desde 2021 | Foto: GREG BAKER / AFP

A FIA (Federação Internacional de Automobilismo), a direção da Fórmula 1 e as equipes da categoria vão discutir uma proposta que prevê o aumento na zona de pontuação das corridas. De acordo com a revista inglesa Autosport, o assunto será abordado durante reunião na Comissão da F1, em Genebra. A ideia é que a zona de pontuação dos pilotos seja esticada do primeiro ao 12º já na próxima temporada.


A decisão de discutir esse aumento na zona de pontuação aconteceu, segundo a revista, após as equipes do fundo do grid pressionarem pela alteração, já que acreditam que isso melhoraria a competitividade do Mundial. Embora se entenda que o apoio pela mudança não deve ser unânime, é necessário apenas que seis das dez equipes atuais apoiem a mudança para que ela seja introduzida em 2025.


Na temporada atual, equipes como Alpine, Sauber e Williams ainda não pontuaram por causa da linha de corte adotada na Fórmula 1. As equipes entendem que, caso a alteração seja aprovada, os pontos somados na parte de baixo da tabela premiariam o trabalho consistente ao longo da temporada, ao invés de apenas compensar resultados pontuais obtidos pelos pilotos do fundo do grid.


O plano de manter inalterados os pontos para as primeiras posições é um jeito de garantir o apoio das principais equipes, que antes relutavam em fazer alterações na estrutura, especialmente porque a FIA recebe pagamentos de taxas de inscrição para cada ponto marcado pelas equipes.


Em 1991, a Fórmula 1 introduziu um sistema de pontuação para as seis primeiras posições. À época, a distribuição era: 10/6/4/3/2/1. Uma revisão foi feita em 2003, e a FIA alterou para 10/8/6/5/4/3/2/1. Desde 2010, na F1, pontuam somente os dez primeiros pilotos na seguinte ordem: 25/18/15/12/10/8/6/4/2/1.


Para garantir que essa mudança não tenha um impacto grande nas equipes da ponta do grid, a ideia é que a distribuição dos pontos mude a partir do oitavo colocado nas corridas. Veja a tabela abaixo:


Confira como ficaria a nova distribuição de pontos:


SISTEMA ATUAL SISTEMA PROPOSTO


1º 25 25


2º 18 18


3º 15 15


4º 12 12


5º 10 10


6º 8 8


7º 6 6


8º 4 5


9º 2 4


10º 1 3


11º 0 2


12º 0 1


Volta mais rápida 1 (entre os 10 primeiros) 1 (entre os 12 primeiros)


 

FONTE: Lance

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2024 :: Todos os direitos reservados