Terça, 18 de junho de 2024
82 99669-5352
Tecnologia

26/04/2024 às 16h36 - atualizada em 27/04/2024 às 09h36

Alberto Lima

Maceió / AL

Alunos que vão representar o Brasil na Worlsdskills 2024 treinam no Senai/AL
Três jovens de São Paulo e uma de Goiás buscarão o título na competição
Alunos que vão representar o Brasil na Worlsdskills 2024 treinam no Senai/AL

 



No caminho para chegar ao topo do mundo, quatro alunos do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) – três de São Paulo e uma de Goiás – passam esta semana em Maceió. Porém, a estadia na bela capital alagoana, de praias famosas, será de muito trabalho visando ao destino final: Lyon, na França. É lá que ocorre o mundial de profissões, a WorldSkills 2024. Na sua 47ª edição, a competição será realizada de 10 a 15 de setembro deste ano.


 


Os jovens são da área de Tecnologia. No treinamento em Maceió, eles vão simular o ambiente de competição que encontrarão na cidade europeia, entre competidores de outros países. As provas da Worldskills testam habilidades individuais e coletivas de suas ocupações dentro de padrões internacionais de qualidade. Para chegarem bem preparados, o Senai de Alagoas, além de todo know how na área, montou um estrutura especial para recebê-los na escola Senai Poço.


 


O treinamento começou nesta segunda-feira, 22, e segue até sexta, 26. Estão em Maceió os alunos Gustavo Souza (Senai/SP), da ocupação Soluções em Software para Negócios; João Pedro Ribeiro (Senai/SP), da ocupação Desenvolvimento de Aplicativos Móveis; Isabella Rodrigues Souza (Senai/GO), de Tecnologia de Design Gráfico; e Pedro Lucas Câmara Rodrigues Lopes (Senai/SP), da ocupação Tecnologias Web.


 


A Alagoas, os jovens vieram acompanhados de seus “experts”. Eles são especialistas que compartilham suas experiências e competências, sendo fundamentais na competição. “Nossa missão é acompanhar os competidores e realizar toda a gestão do treinamento, desenvolvendo o plano de treino, realizando capacitações junto aos demais especialistas experientes nas competências a serem desenvolvidas, em busca de preparar os competidores para uma competição de profissões que avalia os resultados baseados em padrões internacionais”, explica a alagoana Leyla Santos, que é expert da ocupação Tecnologias Web.


 


Ela vai acompanhar o representante brasileiro desta área profissional em Lyon e conta que a preparação vai além das técnicas. “Além dos conhecimentos técnicos, é fundamental o desenvolvimento das competências comportamentais, que são indispensáveis para todo profissional, objetivando prepará-los da forma mais completa possível para a competição internacional”, acrescenta.


 


Em Maceió, eles contam ainda com o apoio e experiência de profissionais que, de alguma forma, tiveram experiência com a competição. É o caso do colaborador Luiz Ferreira, do Senai Poço, que atuará como consultor e avaliador da competidora goiana Isabella Rodrigues, cujo expert não pôde viajar para a capital alagoana. 


 


Nesta segunda-feira, 22, após as boas-vindas e ambientação no espaço exclusivo, João Pedro, de 20 anos, revelou o que espera da experiência em Maceió. “É aprender bastante, porque é uma experiência nova para mim. Sentir um pouco esse clima mais competitivo, mudar um pouco de ambiente, conhecer pessoas novas e adquirir muito conhecimento para a minha carreira”, disse ele.


 


O estudante do Senai/SP é o primeiro brasileiro a representar o país nesta modalidade e quer fazer bonito na França. “Eu quero representar da melhor forma o Brasil, ganhar a medalha e me superar também, mostrar que eu posso!” concluiu.


 


FONTE: ASSESSORIA

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2024 :: Todos os direitos reservados