domingo, 19 de setembro de 2021
82 99669-5352
Cidades

10/05/2021 às 08h50 - atualizada em 10/05/2021 às 10h19

Acta

MACEIO / AL

Fábrica de texturas faz parceria com diversas marcas de designs
Arquiteta Valéria Cox, junto a Ibratin, surgiu a escolha do revestimento acrílico Sururu
Fábrica de texturas faz parceria com diversas marcas de designs
Arquiteta Valéria Cox, junto a Ibratin, surgiu a escolha do revestimento acrílico Sururu,

Pensando cada vez mais em sustentabilidade ambiental, social, empresarial e econômica, a fábrica Ibratin Tintas e texturas decidiu se unir a produção de Vitrine para fazer um contraponto com um mobiliário de várias marcas de designs conceituadas de todo Brasil. 


De acordo com a arquiteta Valéria Cox, junto a Ibratin, surgiu a escolha do revestimento acrílico Sururu, material orgânico encontrado em abundância as margens de nossas lagoas e reciclado pela Ibratin em conjunto com um projeto do IABS, que surgiu o conceito da produção da Vitrine para fazer um contraponto com um mobiliário de várias marcas design conceituadas no Brasil como; Studio Jaqueline Terpins, Jader Almeida, América móveis, Estudio Bola, Natuzzi, Ovo design, Casalecchi entre outros. 


“Então me perguntei por que não unir o luxo do design Brasileiro ao lixo descartado por nós mesmo? #quandolixaviraluxo com essa #, busquei matérias descartáveis e os transformei em vasos de design e usei também livros velhos para compor a produção do espaço. O importante é Sempre reutilizar e transformar. O resultado é mais importante que a forma”, disse a arquiteta.


Para a diretora administrativa da Ibratin, Bruna Cartisano, agregar a arquitetura, as texturas e a reciclagem, que se apresenta como ferramenta essencial para conciliar os avanços da tecnologia com o gerenciamento sustentável dos bens naturais é fundamental. “Entramos em parceria com a loja VB design e a arquiteta Valéria Cox, pois o projeto da Vitrine tem tudo a ver com nosso revestimento Sururu.”


A preocupação ambiental originou uma nova agenda de direitos para a sociedade, incluindo o direito a um meio ambiente equilibrado como componente da cidadania, como direito difuso e coletivo. O papel dos movimentos ambientalistas e das organizações da sociedade civil na luta pelos direitos ambientais contribuem para a construção de um pensamento sustentável por parte das indústrias e da população.


Sobre as texturas:


Os revestimentos acrílicos texturizados Maçunim e Sururu da Linha Casa Lussa foram lançados pela fábrica Ibratin Tintas e texturas, com o objetivo de gerar inclusão socioprodutiva para o Estado de Alagoas. As texturas vêm com efeito decorativo elaborado a partir da casca do Sururu e do Maçunim de forma sustentável, dando um rumo socioambiental para as comunidades de marisqueiras da região das lagoas, na periferia de Maceió e do município da Barra de São Miguel.


Feito através de resíduos da casca do molusco, o sururu, Patrimônio Imaterial do Estado de Alagoas. Surgiu de uma ação do Projeto Maceió Mais Inclusiva, através de Economia Circular, um projeto realizado pelo BIDLab, Prefeitura de Maceió e IABS, em parceria com Marcelo Rosenbaum do Instituto A Gente Transforma, o designer Rodrigo Ambrósio e o apoio local da ONG MandaVer.

FONTE: ASCOM

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2021 :: Todos os direitos reservados